Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Princesa de cristal

Diário de uma sonhadora

29
Ago18

Voluntariado

Infelizmente por motivos óbvios (saúde) nunca pude fazer trabalhos missionários, como por exemplo apoio aos refugiados ou algo mais vocacionado às crianças. No entanto, tento dar sempre que posso o meu contributo, ainda que pequeno, numa instituição da qual sou voluntária. Inicialmente comecei por inscrever/organizar a documentação das familias que pediam algum tipo de assistência (alimentos, roupas, medicamentos, etc). E este ano, como a direção mudou, (e é sempre bom haver um refresh de pessoas), apenas tenho contribuído esporádicamente sempre que me pedem ajuda para algo. 

Mas ajudar o próximo é tudo de bom! E enche-me de orgulho saber que o meu sobrinho mais velho de 18 anos, parte amanha para Cabo Verde, numa missão humanitária. Tenho a certeza que vai ser uma experiência super enriquecedora para ele!  

 

 

 

 

 

26
Ago18

...

Já tinha referido aqui que ando a fazer fisioterapia. Depois de muito adiar, estava mais do que na hora de deixar a malandrice de lado! Mas apesar da fisioterapia me fazer bem (exercício físico é sempre bom), a piscina é o que mais resultados visíveis me traz. Depois de 1/2 semanas, de piscina,  noto logo uma diferença enorme na agilidade do meu corpo. 

Mas o nosso estado, não comparticipa essa parte do tratamento, ou seja.. se eu quero ter hidroterapia com terapeuta (o que realmente faz sentido no meu problema de saúde) tenho que pagar do meu bolso a totalidade do tratamento. 

 O problema é que não estamos propriamente a falar de trocos...cada sessão é 1€/minuto!!!! (Acho que até me faltou o ar quando me disseram isso na recepção). Cada aula é 45minutos... duas 3 vezes por semana .. é fazer as contas como dizia outro!

A verdade é que fica incomportável para mim, principalmente agora que comprei casa, por isso resta-me lutar pelos meus direitos... e esse direito começa por pedir nova avaliação, para chegar aos 80% de incapacidade, caso contrário, o subsídio de 200 e poucos euros, não me é atribuído!

Tenho perfeita noção que vai ser super difícil... mas se me deram 72% (ainda nem em cadeira de rodas andava), acho que agora fazia todo o sentido, facilitarem me um bocadinho a vida!

Infelizmente os pseudo-médicos que costumam fazer parte destas juntas médicas, são super arrogantes e grande parte das vezes não têm a mínima noção da realidade!

Resta me esperar que as coisas amanhã corram da melhor maneira, caso contrário, em vez de ter a hidroterapia 3 vezes por semana, só poderei fazer uma vez e mesmo assim...upa upa!

Resta me esperar que amanhã o universo conspire a meu favor! 🙂☘

26
Ago18

Ninguém merece!

Ontem de manhã o meu dia começa assim...

 

Ele: "Bom dia boneca " (boneca era um dos nomes que ele chamava)

Eu: "Bom dia"

Ele: "tás bem?"

Eu: "tudo ótimo e contigo?"

Ele: "ainda bem. Sim ...mais ou menos"

Eu: "?"

Ele: "está tudo bem... não te vou falar dos meus sentimentos né"

Eu: "ok"

Ele: "Não precisas preocupar te "

Eu: "a tua namorada é que tem que se preocupar não eu! Bom fds"

Ele: "ok. Por acaso até vou estar com ela este fds. Bom fds"

Eu: "divirtam-se "

 

Será que eu fiz assim tanto mal a alguém para não ver que me estava a apaixonar por um verdadeiro idiota!!! 

Parece que tantos anos depois, aquele homem que me abraçava e que me fazia sentir segura/protegida, transformou-se num $#@@#$@@ que tem prazer em me torturar. 

 

 

 

24
Ago18

Amigos amigos, negócios à parte!

Há cerca de dois anos atrás, uma ex-colega de trabalho veio falar comigo se eu estaria interessada em fazermos juntas, alguns trabalhos como freelancer. Sempre nos demos super bem, nunca tivemos qualquer tipo de stress nos cerca de 8/9 anos a trabalhar juntas..por isso pareceu-me uma excelente proposta!

 

A ideia seria a de ela arranjar clientes e trabalhar nos conteúdos e eu ficaria com toda a parte gráfica. Inicialmente correu tudo muito bem, ela fazia a parte dela e eu obviamente a minha. Um potencial cliente (uma marca internacional), ficou de dar uma resposta e como ela era muito amiga dos donos pensámos mesmo que as coisas iam acontecer. Ela dizia-me que ia insistindo mas que eles não tinham verba, etc etc... 

Mas esta semana, fiquei a saber (não por ela obviamente) que afinal o cliente avançou... eu é que fiquei a ver navios! Ou seja, ela tem andado a trabalhar para eles!

Não me supreendeu completamente.... até porque eu já andava com uma "pulguinha atrás da orelha" quando passado uns meses de começarmos a trabalhar juntas, ela se vira para mim e me diz que achava que quem arranja-se um cliente novo, devia receber 10% a mais!

Eu fiquei tipo..."OI?!?!" Então se a função dela inicialmente era essa...eu ficaria sempre a perder como é óbvio! Como eu não concordei, ela tentou disfarçar e disse que "era apenas uma sugestão...". É preciso ter uma lata! 

 

Enfim...está provado, parece que o mundo é mesmo dos chicos espertos...   

23
Ago18

O "porquinho" barulhento!

Tenho o Nokas (um pincher) desde maio e parece incrível mas já não me imagino sem ele! Quando me mudar para o meu apartamento, vai ser dificil decidir quem fica com ele...acho mesmo que vamos ter que ter "guarda partilhada" 

É super meiguinho, passa grande parte do dia a dormir e quando se lembra...vem pedir colinho. Já faz o xixi na rua ou quando está muito aflito e não está ninguém em casa, vai fazer na varanda. 

Mas tem um grande problema...sempre que vai à rua (desde que sai da porta do prédio) ladraaaaa que é uma coisa parva! Ladra a tudo e a todos, ladra só porque sim!

Graças ao seu temperamento "nervoso" já apanhamos alguns sustos com ele. Se não o pegarmos ao colo, ele corre seriamente o risco de algum cão maior lhe dar uma dentada, porque se atira literalmente para cima dos outros!

A veterinária disse-me que é medo e é provável que ele com a idade deixe de ladrar tanto. De qualquer forma, por uma questão de segurança principalmente para ele, resolvi arranjar-lhe um "açaime" para controlar o ladrar excessivo e de o impedir de comer tudo o que encontra no chão (já aconteceu engasgar-se com um pedaço de osso muito pequeno). 

 

Captura de ecrã 2018-08-22, às 13.25.21.png

 É feito de silicone, super macio e apesar de ficar super fofinho, não resolve o principal problema... continua a ladrar mas pelo menos as pessoas e as crianças já se aproximam com mais facilidade e sem medo. 
Foi super simples para o habituar...mas só o mascaramos de porquinho, sempre que vai à rua de manhã (que é quando encontramos imensos cães também a passear).

E digam lá se o meu "porquinho" não é o patudo mais fofo do mundo?

16
Ago18

Para onde vais cabelo!!!

 

Estou a ficar seriamente preocupada com a queda do meu cabelo! Cai...cai... é impressionante! Já fui a vários dermatologistas, já fiz testes hormonais, já comprei mil e um produtos e NADA!!!

Já experimentei desde ampolas super caras (e que não fazem absolutamente nada) a suplementos alimentares (houve um que de fato me parou a queda durante uns meses mas que me afetou o estômago e tive de parar).

Nestes últimos meses piorou bastante, provavelmente devido ao stress... vá se lá saber! Por este andar, vou ficar careca e não vai demorar muito tempo...😭😭

14
Ago18

...

 

No Sábado de madrugada, bateu uma daquelas insónias chatas e fui para a sala ver tv. Confesso que ando sem paciência para ver filmes e tão pouco para seguir séries... e a saltar de canal em canal vi o spot publicitário daquele programa "marry at first sight" e vá...só naquela de pura curiosidade fui às gravações e comecei a ver a versão australiana. (se for como o Masterchef a versão australiana bate todas as outras aos pontos na minha opinião claro). 

Básicamente o reality show é uma experiência social em que 3 especialistas tentam fazer de casamenteiros após longos e exaustivos questionários/entrevistas e juntam um suposto "par ideal". 

Primeira observação logo de imediato...Como é que alguém no seu estado normal aceita embarcar numa experiência destas?! Ainda não consegui decidir se é mesmo coragem ou estupidez, ir para a televisão anunciar que se está desesperada/o para casar. 

Se fossem pessoas pouco atraentes fisicamente, ainda se ficava naquela de "olha toda a ajuda é pouca"...mas não é nada o caso! E convenhamos, se estas mulheres bem giras e independentes (fica-se com a ideia que todas têm uma vida espetacular) têm dificuldade em arranjar namorado/marido... eu estou literalmente lixada!?!  

E como a minha paciência para seguir episódio a episódio é quase nula, vi na net que o resultado foi desastroso, de 5 temporadas com imensos casais, acho que só um é que ainda está junto! (dados da wikipédia). Resta concluir que no que toca ao amor ...não há cá fórmulas nem teorias! 

 

10
Ago18

Que sociedade é esta?!

Ontem assisti a uma cena lamentável por parte de alguém que deveria ser, supostamente mais "humano"!

Estava a espera de ser atendida na recepção da clinica, onde faço fisioterapia...quando sai de dentro de um gabinete, um médico que se dirige ao balcão e diz à menina que já tinha realizado todas as consultas do dia. (Sou sincera, não sei se percebi bem mas parece que os médicos são subcontratados e no final de cada dia de consultas, recebem X pelas mesmas. )

Continuando...a menina diz-lhe que o ultimo paciente foi embora sem pagar e que os dados que tinha do senhor estavam muito incompletos.

 

O médico passou-se LITERAMENTE! "Eu vou já ligar à policia...isto assim não pode ser!" , e não é que o anormal ligou mesmo...ali a frente de quem estava na sala de espera!

Tentou fazer uma queixa, mas do outro lado devem-lhe ter dito que não dava por telefone, teria que se deslocar à esquadra. (olhamos todos uns para os outros, tipo... este homem bate muito mal?!?)

 

A menina da recepção, toda atrapalhada tentou depois ligar ao senhor, que atendeu logo e no final da chamada, vira-se para o médico e diz-lhe "olhe o senhor diz que passa cá amanhã de manhã sem falta."  O médico com cara de parvo "bem...se ele não aparecer até sexta-feira, vou fazer queixa!"

 

Sim, porque aquele dinheiro da consulta deve-lhe fazer imensa falta.... !!! Que mundo é este?! Já ninguém tem paciência ou tolerância com ninguém! Se calhar o senhor estaria num mau dia e deve-se ter esquecido de passar na recepção...ou ter tido alguma emergência e teve que sair a correr... não interessa o motivo, achei que a atitude do médico foi lamentável...indecente mesmo! Não teria sido bem mais simples, ligar logo ao senhor?! Ou por motivos óbvios, pedir a funcionária da recepção que se dirigisse ao seu gabinete e resolve-se esse assunto em privado.

 

Eu tenho para mim, que este tipo de pessoas que fazem logo o “circo todo”, devem ser dos mais caluteiros/desonestos que existem! Enfim...é a sociedade que temos 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.